Bonaparte dos poetas: notas sobre as figurações napoleônicas no Romantismo brasileiro

  • Vagner Camilo

Resumen

Este ensaio examina a presença de Napoleão Bonaparte na literatura anterior e posterior à Independência do Brasil (1822), elegendo o enfoque dado ao corso por alguns poetas do período, filiados, em sua maioria, ao Romantismo. O principal objetivo é destacar a mudança de expectativa nesse enfoque, tomando por referência o contexto histórico-político em que se inscreve essa produção poética.
Compartir
Cómo citar
Camilo, V. (2013). Bonaparte dos poetas: notas sobre as figurações napoleônicas no Romantismo brasileiro. Meridional. Revista Chilena de Estudios Latinoamericanos, (1), Pág. 9-35. doi:10.5354/0719-4862.2013.30109
Sección
Artículos
Publicado
2013-12-27